Coluna – Decisão e Medo


O ato de decidir traz para o ser humano, muitas vezes, medo de arriscar e de tomar certos caminhos, pois sabe que seu destino é criado com base em cada decisão tomada.
Muitas pessoas têm medo de assumir as consequências de seus atos e de suas decisões, não acreditam na própria capacidade de vencer e de realizar sua vocação. Geralmente, são pessoas que na infância ouviram a palavra “não” em demasia, e agora, em suas vidas adultas, só sabem reconhecer o que não querem fazer. “Não gosto de mim”. “Não quero que ninguém mande em mim”. “Não posso fazer”. “Não consigo aprender”. “Não me agrada esse sujeito”, entre outros pensamentos que explicitam o medo e a desconfiança.
São pessoas firmes naquilo que não querem fazer e completamente indecisas sobre o caminho a seguir. Vivem se torturando, sempre insatisfeitas, reclamando de tudo. Normalmente estas pessoas adoram comentar sobre doenças e notícias catastróficas.
Outras não conseguem decidir sem a opinião de alguém, querem agradar aos outros, mas não conseguem agradar a si mesmos. Pessoas assim desperdiçam a vida procurando aprovação alheia.
Você quer ser um treinador de futebol? Tudo bem, mas saiba que isso vai influenciar sua convivência com a família. Você gostaria de ser administrador de uma empresa? Ótimo, mas vai ter que aprender a lidar com pessoas.
Definir o que se quer facilita a vida. Não abra mão do que é importante para você. Um vencedor nunca dirá: “Esse projeto é demais para mim”. Ao contrário, vai pensar no que precisa aprender para conseguir o que quer. Pois os vencedores sabem que as conquistas, são resultados de aprendizado e muita persistência. Claro que se você quiser, pode optar por uma vida tranquila, viver com alguns reais, sem riscos e muitos se apegam a poucas coisas e vivem miseravelmente devido ao medo de tomar decisões mais arrojadas e passam uma vida medíocre de lamentações.
A escolha é sua, o importante é saber como quer viver. E se quiser algo maior, terá que entrar em campo e participar da competição como um vencedor. Afinal você é um felizardo ao nascer neste mundo, você já conquistou uma vida, lute para torná-la muito mais feliz e agradável.

         Até a próxima!

Deixe um comentário